RadioActive?

O RadioActive procura desenvolver e implementar uma plataforma na internet, incorporando a ferramenta de Web 2.0, ligada a metodologias pedagógicas inovadoras a desenvolver junto de comunidades juvenis e seus contextos, com o objetivo de abordar assuntos de inclusão e cidadania ativa de uma forma original e estimulante.

O projeto iniciou-se em 2013 com o financiamento europeu do Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida (LLP/EU 531245-LLP-1-2012-1-UK-KA3-KA3MP). Em dezembro de 2014 o RA foi distinguido com o Prémio Inclusão e Literacia Digital, pelos seus bons resultados em Portugal. Esta distinção, atribuída pela FCT através da Rede TIC e Sociedade, destina-se à expansão do programa até janeiro de 2016.

Em 2016, passou a ser gerido em autonomia pelos centros Escolhas participantes. A coordenação foi assumido pelos Projetos Catapulta, Escolhe Vilar e Desafios desta 6ª geração do Programa Escolhas.

Neste momento este projeto conta com 8 grupos que produzem emissões.

EU_flag_LLP_PT-01Unknown        E6G

Podcast “Somos Cercar-te”

Já está disponível o podcast da emissão de 7 de Maio do Projeto Cercar-te E6G.

Nesta emissão os jovens do Cerco relataram o evento Escolhas Portas Abertas deste ano deste ano de 2018 e a Assembleia Geral que foi realizada por esta ocasião.  Ainda, como habitualmente, , esta emissão trouxe  notícias sobre as actividades do projecto, uma canção original e um novo episódio da radio-novela “Os miúdos do bairro”.

Se não ouviram em direto, não percam agora!

 

” Somos Cercar-te” uma emissão Cercar-te

A próxima emissão RadioActive 101 é já no dia 7 de Maio às 12h30 e está a cargo dos jovens do Bairro do Cerco. Ora vejam lá o que eles nos escreveram para falar da sua emissão:

Já cá canta a 3ª emissão da Rádio Cercar-te. Desta feita, deitamos os olhos, ou melhor, os ouvidos, no que que foi o evento Escolhas Portas Abertas deste ano. Ouvimos dizer que até houve uma Assembleia Geral por causa disso!!!
E como se está a tornar habitual, esta emissão traz-nos notícias sobre as actividades do projecto, uma canção que é um amor, um novo episódio da radio-novela “Os miúdos do bairro”, uma ideia genial que é uma festa e poesia.
Escutem-nos!!!

Podcast “Há vida no Bairro” do Projeto Esperança

Já está disponível o podcast da emissão de dia 4 de Maio do Projeto Esperança. Nesta edição ficámos a conhecer um dos artistas do bairro, o rapper Yuri G, que nos contou um pouco do seu percurso. Entrevistámos a Nair Prata, colaboradora no Projeto Esperança E6G, falamos do seu trabalho e das aulas de Kickboxing, que são um sucesso. Por fim, também  realizámos um voxpop com os jovens do bairro.

Se não ouviram em direto não podem perder agora!

 

Podcast “MUNDAR O MUNDO” do PROJETO ORIENTA.TE

No dia 2 de Maio aconteceu mais uma edição da RadioActive 101 pelo Projeto Orienta.Te.

Nesta emissão os jovens de Rio de Mouro falaram um pouco sobre o Projeto Mundar: o que é, onde foi e como foi. Houve ainda um espaço de culinária e um programa de comédia. Finalmente, foi possível ficar a conhecer o Planeta Arco-Iris, uma história criada pelas crianças do primeiro ciclo abordando o tema da descriminação racial. Se não ouviram em direto, não percam agora

 

“Há vida no Bairro” uma emissão do Projeto Esperança

A Rádio Esperança está de volta! É já este dia 4 de Maio, sexta feira, às 18h30!

Nesta edição ficamos a conhecer um dos artistas do bairro, o rapper Yuri G, qque contou um pouco do seu percurso. Foi ainda entrevistada a Nair Prata, colaboradora no Projeto Esperança E6G. A conversa andou à volta do seu trabalho e das aulas de Kickboxing, que são um sucesso. Por fim, poderemos ouvir um voxpop com os jovens do bairro.

Imperdível!

Zona Z – o mais novo membro da RadioActive 101

No passado dia 13 de Abril de 2018 o Projeto Catapulta e o Escolhe Vilar estiveram em Ermesinde para visitar a Rádio Zona Z e convidar os seus participantes a integrar a RadioActive101 Portugal. Foi uma festa e até aconteceu uma emissão ao vivo e em direto!
A boa notícia é que este encontro ficou registado na reportagem realizada no âmbito da cadeira de Jornalismo Televisivo por Leonor Ferraz e Susana Leão – alunas do 3°ano de Ciências da Comunicação da Universidade Lusófona do Porto.

«